This communication (website) reflects the views only of the author, and the Commission cannot be held responsible for any use which may be made of the information contained therein.
Copyright © 2014 Growing on Ethics Consortium | Disclaimer | Powered by Militos Consulting S.A..

This project has been funded with support from the European Commission.

Home

Growing Pathways for Ethics on Leadership, Business and Life



Bem vindo ao website do Projecto "Growing on Ethics".

Aqui poderá encontrar informações úteis sobre as metas e objectivos do projecto, sobre a sua implementação, principais resultados, ligação com os objectivos gerais da CE e, mais especificamente, com as prioridades do Programa de Aprendizagem ao longo da vida - Leonardo da Vinci e informações mais importantes sobre a necessidade do projecto no ambiente económico actual.
"Caminhos para a Ética, Liderança, Negócios e Vida – Growing on Ethics" {Projeto n º 2013-1-GR1-LEO05-14130} é um projecto de transferência de inovação co-financiado pela Comissão Europeia, com a duração de 24 meses.

Outcomes

Vídeos

Relatório do estad de arte da Ética Empresarial e Responsabilidade Social

Growing on Ethics toolkit

Descritor de Formação ECVET

Conferência Final

Workshop de trnasferência

Press Releases

Folhetos

Rollup Growing on Ethics

Newsletters

PARCERIA

O projecto é constituído por um consórcio de 6 parceiros de 4 países europeus (Chipre, Grécia, Portugal, Suíça):

CSR Hellas (Hellenic Network for Corporate Social Responsibility) – [GR] - (Coordinator)

CSR Hellas (Hellenic Network for Corporate Social Responsibility)
Address: 61 Akademias str, 106 79, Athens, Greece
T (+30) 210 33 87 422 - 3
F (+30) 210 33 87 424
E diktio@csrhellas.gr
Website: www.csrhellas.org
Linkedin: companies/csr-hellas
Facebook: Hellenic Network for CSR
Skype: hncsr

CSR Hellas (Rede Helénica para a Responsabilidade Social das Organizações),é a organização líder em RS na Grécia. É uma organização sem fins lucrativos dirigida por um conselho de 7 membros e, atualmente, sua composição inclui 120 empresas e 7 associações empresariais. Para a promoção dos seus objetivos trabalha e colabora diretamente com grandes empresas e PME’s, organiza conferências, formação especializada e oficinas temáticas, colabora com a comunidade acadêmica, é interlocutor ativo com ONG’s e organizações do setor público e participa ativamente no diálogo sobre a RS a nível local e europeu.
CSR Hellas participa ativamente no diálogo para o desenvolvimento da estratégia nacional de RS, colaborando estreitamente com os ministérios gregos de Desenvolvimento, Meio Ambiente e Trabalho.
Desde a sua criação em 2000, CSR Hellas é Parceiro Nacional da CSR Europe, a principal rede de negócios Europeia para a RS, com cerca de 70 empresas e 37 parceiros nacionais, registradas em 29 países. A parceria com a CSR Europe, permite estar na vanguarda de todos os desenvolvimentos sobre RS a nível europeu e local. Colaborações recentes com CSR Europe incluem a implementação dos "Prémios Europeus de RS", a co-organização de eventos sobre "Empresas e Direitos Humanos" ou sobre a aquisição de "Competências Laborais”, a promoção do "Gestão Responsável da Cadeia de Fornecedores".
Além disso, desde Maio de 2008, CSR Hellas é o coordenador das atividades do Pacto Global das Nações Unidas (GCNH) administrado por uma secretaria de 5 membros e atualmente (Janeiro de 2014) na sua composição inclui 53 empresas e 25 organizações não-comerciais.
Os principais objetivos da GCNH são a promoção do Pacto Global e seus 10 princípios na Grécia e com o apoio de empresas, académicos e outras organizações que estão comprometidos com eles. Além disso, GCNH suporta a mais ampla divulgação das metas do milênio das Nações Unidas por meio de atividades e eventos relacionados a todas as partes interessadas, criando oportunidades para alianças multissetoriais e atividades coletivas.

KNOWL – Social Enterprise for Risk Groups Education and Lifelong Learning – [GR]

Dimitris Raftopoulos
Acharnon 335, 11145 Athens, Greece
T +30 210 8312868
E info@knowl.gr
Facebook
www.knowl.gr

O que é Knowl?
Knowl é um empreendimento social que visa ampliar o capital de conhecimento e tornar a "sociedade do conhecimento" mais inclusiva.
Porque é o Knowl inovador?
Porque reúne as comunidades académicas, empresariais e de investigação a um nível interdisciplinar e desenvolve modelos pedagógicos integrados que abrangem um espectro socioeconômico amplo.
O que fazemos no Knowl?
Fornecemos educação e formação numa ampla gama de temas, explorando os conhecimentos dos educadores, acadêmicos, instrutores, consultores e diversos atores sociais de diversas áreas como aprendizagem ao longo da vida, o espírito empresarial e de negócios, criativo e indústrias culturais etc.
Como fazemos isso?
Projetamos material formação e implementamos workshops e webinars presenciais com um foco especial nas necessidades de grupos sociais em situação de risco, assim como empresas, organizações e indivíduos. Como uma empresa social, Knowl tem em conta os diferentes fatores socioeconómicos dos nossos grupos-alvo tais como recursos financeiros, formação educacional e cultural, oferecendo padrões de matrícula flexíveis e produzindo valor social redentor para todos.

Intercollege – [CY]

Dr. Alexandros Antonaras, MCQI CQP, PMP
Director, Consultancy Unit
Assistant Professor, Management & MIS
46 Makedonitissas Avenue 1700, Nicosia Cyprus
T+357 22 795021
F+357 22 772616
Eiantonaras.a@unic.ac.cy
www.intercollege.ac.cy

Intercollege é uma das principais faculdades no Chipre, que tem vindo a oferecer uma ampla gama de programas de formação profissional e académica para estudantes desde sua criação em 1989. Intercollege oferece programas em Culinária, Estética e Terapias de Beleza, Informática, Tecnologia da Informação, Eletrónica e Tecnologia Mecânica etc. levando a um Diploma (programas de formação profissional) ou um diploma de bacharelado, bem como uma série de programas de formação profissional. Nos últimos anos, o Intercollege também desenvolveu uma extensa rede de parceiros europeus através da sua liderança e envolvimento em projetos europeus inovadores. Pessoal docente e administrativo da faculdade tem uma vasta experiência em gestão de projetos, pesquisa, bem como no desenvolvimento e implementação de programas de educação / formação, através de programas financiados pela Comissão Europeia. A opinião pública tem reconhecido a contribuição abrangente do Intercollege. De fato, uma pesquisa nacional constatou ser "a faculdade mais respeitável em Chipre". Todos os acima contribuem para a visão de Intercollege de futuro e são encapsulados no lema do Colégio "Excelência em Educação".

ISQ – Institute for Quality and Technology – [PT]

Christina Almeida
Project Manager - R&D and Innovation
Training
T+351 21 423 4073
F+351 21 422 81 28
www.isq.pt

ISQ é a maior instituição tecnológica e de qualidade em Portugal, fundada em 1965 e atualmente opera em mais de 30 países em todo o mundo. A unidade de I&D +i promove projetos internacionais e é um player nacional em vários campos da Aprendizagem ao Longo da Vida, incluindo RVCC, ECVET, EQAVET, e diversas certificações profissionais.
A Responsabilidade Social das Organizações (RSO) e Empreendedorismo são áreas-chave na ISQ, foco de muitos estudos e projetos recentes, tendo sido o coordenador da maior rede nacional de responsabilidade social das empresas (com mais de 250 organizações-membros). Empreendedorismo Social é um dos maiores grupos temáticos dentro desta Rede Nacional de RSO.

ACEGE – Christian Association of Businessmen and Managers – [PT]

Sofia Santos Economist, PhD.
T + 351 217 941 323
E sofia.santos2050@gmail.com, acege@acege.pt
Skype: sofia.santos2050

Visão da ACEGE
ACEGE é uma associação de empresários e empresárias, que compartilha entre si valores cristãos e continuamente busca aplicar esses valores na sua vida profissional.
ACEGE propõe, como uma missão pessoal, agitar e mobilizar a consciência do indivíduo, divulgando os valores partilhados entre os seus membros e da doutrina social da Igreja, expressa por eles.
Queremos ser vistos como uma referência moral na sociedade portuguesa, contribuindo para fortalecer a sociedade civil através de uma atitude esclarecida e simples, ajudando a disseminar uma cultura de responsabilidade.
Princípios fundamentais
Acreditamos no Homem criado por Deus, com características únicas e irrepetíveis, com a vontade de criar e trabalhar no sentido de um mundo mais justo e mais humano.
Vemos a empresa como uma comunidade humana, fundada sobre interesses coincidentes, orientada para objetivos comuns, estruturada de acordo com o princípio da cooperação e não de conflito, orientada para a produção e/ou comercialização de bens e serviços dentro de um mercado mundial competitivo e incerto e, portanto, sujeitos a princípios de gestão racional, princípios de gestão organizacional e fixação de mercado.
Reconhecemos dentro da empresa um bem social inestimável, originado pela iniciativa, o risco de tomar capacidade e as habilidades do indivíduo, que só fazem sentido quando visam a prossecução de fins sociais, ou seja, quando visam a produção de riqueza, criando oportunidades de emprego, alcançando a auto-realização e o desenvolvimento social global.
Reconhecemos o potencial da economia de mercado, quando se reconhece o papel fundamental e positivo da empresa, a propriedade privada e livre criatividade humana, como um elemento de desenvolvimento económico, social e ambiental.
Vemos o trabalho como um fator essencial para o cumprimento individual e o progresso socioeconómico do mundo. Qualquer trabalho, realizado com competência, honestidade e de forma comprometida é fonte de afirmação individual e dignidade, bem como, simultaneamente, um meio de colaborar com Deus na Sua obra contínua - a criação do mundo. Buscamos a Excelência no trabalho de cada dia e a ação empreendedora como um imperativo ético dado o fato de que só desta forma poderemos estar à altura da enorme responsabilidade conferida às nossas vidas e ao projeto de vida dos outros.
Com tudo o que fazemos, queremos contribuir para a promoção do bem comum e as condições específicas - material, intelectual, moral e institucionalização que permitem uma realização completa de cada homem e da humanidade.

SEC Genève – Société des Employés de Commerce - Section de Genève – [CH]

Norbert GENOUD
Secrétaire Général - Section de Genève
Société des employés de commerce
2bis rue St-Léger - 1205 Genève
T+41 22 310 35 22
F+41 22 310 35 23
Organisational profile
A Associação Suíça de Empregados de Estabelecimentos Comerciais (SEC Switzerland) é a maior organização profissional para os trabalhadores de escritório, vendedores e ocupações relacionadas. Defende os interesses de cerca de 55. 000 Membros em 45 seções.
Formação e desenvolvimento profissional são as principais preocupações da Associação Suíça de Empregados de Estabelecimentos Comerciais. A SEC Suíça é a sede de diversos exames profissionais e gestores profissionais. Várias seções do SEC Suíça dirigem escolas e institutos de formação.
A SEC Suíça está empenhada em defender os acordos coletivos de trabalho suíços (CCT) e igualdade entre homens e mulheres.

News

European Conference on Responsible Entrepreneurship & Corporate Social Responsibility

The European Conference on Responsible Entrepreneurship & Corporate Social Responsibility is around the corner!

Stay tuned and follow us to get more information of the renowned speakers, conference agenda and workshops of the conference that will be organized by the partners of the consortium, on September 23rd in Athens, Greece. Attendance to the conference will be free and you are all welcome to join us, upon confirmation of your registration.


Why attend?
✔  Increase the attractiveness of responsible entrepreneurship
✔  Discuss the role of Ethics and CSR in tackling the negative effect of crisis with an emphasis on youth unemployment, late payments, lack of balance between professional and personal life
✔  Explore approaches and solutions to encourage jobs creation, leadership, prompt payments, work-life balance and transparency
✔  Assess trends and causes for leadership skills mismatch and its impact on the labour market
✔  Share best practices in the field of innovative and responsible integrated approaches’ implementation in the Greek business environment

National Pilot training on CSR and Responsible Leadership

Following a period of thorough research on CSR state of art in Greece, Cyprus, Portugal and Switzerland, adaptation of training material to the needs of each country and intense preparations, the Pilot workshops of the project were successfully delivered to all four countries participating in the “Growing on Ethics” project.

52 SME executives and professionals from Greece, Cyprus, Portugal and Switzerland were trained in responsible entrepreneurship, in subjects such as Responsible Leadership and Reinforcing Ethical Conduct, and issues related to specific operational policies that affect business’ function, such as Work – Life Balance and Timely Payments.

We are proud to say, that all participants expressed great interest on the topic of CSR and a yearning to implement such activities in the companies they represent, while they left with new ideas, inspirations and motives.

But don’t take it from us, here are some statements from the participants themselves:

“It gave me the opportunity to better understand the challenges of small enterprises”
“In-company seminars, please!”
“More than a course. Lively and rewarding.”
“Case study, discussions, topics were great!”

Watch also the short video we prepared and some photos of the workshops.

Press Release: CSR Hellas co-signs European Business Manifesto “Enterprise 2020”

2014 European Business Ethics Forum London: 5 – 7 February 2014

For the 11th year, this 2-day Forum will bring together those who are responsible for the ethics, compliance or business conduct programmes within their organisations. You will share with your peers practical information and experiences relating to current best practices and explore together some of the problems that are raised in doing business ethically.
Read more here...

World Forum for Ethics in Business

World Forum for Ethics in Business calls on private sector to take forward shared value practices Exemplary case studies from multinational organizations and ethical leadership tools were in the spotlight at the 9th International Leadership at the European Parliament on 15 November 2013 that paved the way for a new paradigm for businesses that can be scaled up to global impact.
Read more here...

Disclaimer

This project has been funded with support from the European Commission.

This communication reflects the views only of the author, and the Commission cannot be held responsible for any use which may be made of the information contained therein. The Growing on Ethics Consortium makes every effort to ensure, but cannot guarantee, the accuracy of the information on this website. The Growing on Ethics Consortium cannot be held responsible for the content and/or correct functioning of any pages linked to this website. Reproduction and dissemination of any of the information contained on this website is encouraged, provided that Growing on Ethics project is duly acknowledged as the source of the material.

Copyright © 2014 Growing on Ethics Consortium. All rights reserved.

Portfolio

Some really nice portfolio shots:

Dribbble shots by Matt Kaufenberg.

PROJECTO

Objectivos

"Growing on Ethics" é dirigido a todos os líderes empresariais e trabalhadores, independentemente do seu sector económico / empresarial.

O principal objectivo do projecto é equipar líderes e colaboradores com competências que lhes permitam implementar uma abordagem mais ética nas suas actividades profissionais diárias bem como nas suas actividades pessoais, através da transferência de uma metodologia existente que tem sido desenvolvida em Portugal por um dos parceiros (ACEGE) e que será actualizada e ajustada de acordo com as diferentes necessidades nacionais dos países do consórcio.

Os três temas centrais da metodologia assentam no desenvolvimento de boas práticas associadas à liderança, à implementação de medidas de pronto pagamento e o equilíbrio entre a vida profissional e familiar.

Esta abordagem visa o desenvolvimento de uma orientação comum para a aplicação de uma metodologia formativa que contém informações específicas e úteis sobre a aplicação de modelos verticais tradicionais incorporando Ética e responsabilidade social nas políticas nacionais e as referências de formação em cada país, utilizando as ferramentas EQF e ECVET.

O Projecto visa ainda estabelecer e reforçar em cada país uma rede de Ética e responsabilidade social das empresas com um forte enfoque em aspectos económicos, ambientais e sociais (gestão de recursos humanos, o apoio da comunidade, formação, etc), incluindo não só as empresas, mas também prestadores de serviços de educação e formação, ONGs, autoridades públicas e outras partes interessadas.

Os objectivos do projecto serão alcançados através de:
  • Desenvolvimento de um conjunto de ferramentas que fornecem sugestões para os líderes e funcionários para melhorarem o seu comportamento ético e os seus modelos de gestão de responsabilidade social,
  • Criação de um quadro operacional ECVET para a Ética e a abordagem de gestão em responsabilidade,
  • Criação de uma rede de Ética e responsabilidade social das empresas a nível europeu.

Relevância face aos objectivos gerais da Comissão Europeia


A crise económica recente, bem como outros factores estruturais estão a contribuir para mudanças rápidas nos mercados de trabalho europeus e economia.

A UE, agora mais do que nunca, está a tentar mover-se em direcção a uma sociedade mais sustentável e inclusiva até 2020, com base em novos modelos de gestão que incluem ética, responsabilidade e transparência.

Em Outubro de 2011, a Comissão Europeia publicou uma nova política de Responsabilidade Social Corporativa, definindo a Responsabilidade Social como "a responsabilidade das empresas para os seus impactos na sociedade". Para atender plenamente à sua responsabilidade social, as empresas "devem dispor de um processo de integração social, ambiental, ética, direitos humanos e as preocupações dos consumidores nas suas operações de negócios e estratégia central em estreita colaboração com as partes interessadas". (Estratégia UE 2020, "A nova estratégia da UE para 2011-14 Responsabilidade Social Corporativa"). http://ec.europa.eu/enterprise/policies/sustainable-business/corporate-social-responsibility/index_en.htm

Para melhor alinhar as abordagens europeias e globais a RSO e Ética, a Comissão destaca as Directrizes da OCDE para Empresas Multinacionais, os 10 princípios do Pacto Global das Nações Unidas, os Princípios Orientadores das Nações Unidas sobre Empresas e Direitos Humanos, a Declaração da OIT de Princípios sobre Empresas Multinacionais e Política Social, a ISO 26000 de Orientação em Responsabilidade Social e da Global Reporting Initiative.

Neste contexto, é crucial para a sociedade e os mercados que o comportamento ético evolua em termos de conteúdo, e se torne uma prática comum por todos, em vez de uma actividade excepcional realizada por algumas empresas líderes.

Acresce ainda, que o comportamento ético empresarial que se baseia em valores corporativos é um dos principais princípios fundamentais do modelo de gestão sustentável, que também incorpora:

Responsabilidade: ser responsável pelos nossos impactos sobre a sociedade, a economia e o meio ambiente,

Transparência: a divulgação de informações para as partes interessadas em relação às decisões e actividades com impacto na sociedade e no meio ambiente, na medida do razoável e suficiente,

Respeito pelos interesses das partes interessadas: o respeito, a consideração e a resposta aos interesses das partes interessadas com o melhor da capacidade da empresa,

O respeito pelas leis em vigor: em conformidade com as disposições aplicáveis,

Respeito pelas normas internacionais de comportamento: adoptar normas internacionais de comportamento, mesmo em situações em que a legislação nacional não prevê salvaguardas ambientais e sociais adequadas,

O respeito pelos direitos humanos: respeito aos direitos humanos e reconhecimento da sua importância e universalidade.

Todos os princípios acima contêm questões éticas que constituem a estratégia de responsabilidade de uma organização e podem melhorar a reputação e imagem de marca e garantir "licença social para operar".

Relevância face às prioridades do Programa de Aprendizagem ao Longo da Vida "Leonardo da Vinci".

O projecto “Growing on Ethics” foi concebido de acordo com os objectivos gerais do programa europeu de aprendizagem ao longo da vida “Leonardo da Vinci”, visando o apoio de participantes em actividades de formação, a aquisição e utilização de conhecimentos, competências e qualificações para facilitar o desenvolvimento pessoal, a empregabilidade e a participação no mercado de trabalho europeu, e para reforçar a atractividade do ensino e formação e mobilidade dos empregadores e indivíduos.

Mais especificamente, o projecto “Growing on Ethics” visa contribuir para a melhoria da qualidade e aumentar o volume de cooperação entre instituições / organizações que oferecem oportunidades de aprendizagem, empresas, parceiros sociais e outros organismos pertinentes em toda a Europa, mas também para facilitar o desenvolvimento práticas inovadoras no domínio da educação e formação profissional e a sua transferência a partir de um país participante para os restantes.

Ao longo do projecto, os parceiros sublinham também a sua contribuição na promoção da:

  • Consciência da importância da diversidade linguística e cultural na Europa, bem como da necessidade de combater o racismo, o preconceito ea xenofobia,

  • Igualdade entre homens e mulheres e a contribuição para a luta contra todas as formas de discriminação baseada na origem racial ou étnica sexo, religião ou crença, deficiência, idade ou orientação sexual.

Necessidade de “Growing on Ethics” para as organizações nos dias de hoje


É um facto que um número cada vez maior de empresas e outras organizações querem tornar as suas operações sustentáveis. Além disso, as expectativas de que a rentabilidade a longo prazo deve ir de mãos dadas com o comportamento ético estão a ganhar terreno.

Estas expectativas só estão a aumentar e intensificar a necessidade de avançar para uma economia verdadeiramente sustentável e que é compreendida pelas empresas e as organizações de financiadores, clientes e outras partes interessadas. Para garantir isso, é urgente investir nas competências adequadas e melhorar a correspondência entre os trabalhos oferecidos e as competências necessárias.

Neste contexto, um novo comportamento mais ético nos negócios e na vida diária pessoal, são percebidos como uma necessidade de gestão mais holística e emergente para todos os tipos de organizações, a fim de promover a sustentabilidade e a coesão social a nível europeu, mas também para garantir que todos estejam cientes e altamente qualificados nestas atitudes cruciais.

Motivar as organizações empresariais e outras partes interessadas, para aplicar os princípios e acções baseadas na ética, na transparência, na criação de sinergias, liderança, motivação dos funcionários, o respeito e a tolerância mútua, a conciliação da vida familiar, etc, nas suas actividades diárias de negócios, é fundamental para um melhor ambiente de negócios e social.

Em relação à adopção de Ética e responsabilidade social pelas empresas e respectivas organizações a nível europeu, ainda há um longo caminho a percorrer uma vez que apenas 24% das grandes empresas, 6% das PME, 4% das autoridades públicas e 18% das ONGs estão a utilizar e implementar a Ética e responsabilidade social das empresas no seu trabalho diário (estudo recente das Nações Unidas).

Adicionalmente, a Comunicação da CE - Repensar a Educação (20/11/2012) é muito claro sobre a necessidade urgente de investir e promover a excelência no ensino e formação profissionais, através de ligações eficazes entre os sistemas de formação profissional e da Estratégia da UE, pora "fazer a ponte entre os países da UE no que diz respeito ao desempenho, qualidade e impacto da formação profissional, e os seus resultados em termos de mais e melhores competências".

Existe ainda uma grande diferença entre as práticas organizacionais e "competências sociais e cívicas" e "competências verdes", que são as competências essenciais para a aprendizagem ao longo da vida. Segundo dados do Eurostat e do CEDEFOP, apenas 7% dos indivíduos aplicam essas competências nas suas vidas profissionais, em conjunto com a melhoria do seu desempenho.

Sobre as principais fases de implementação do projecto GROWING ON ETHICS


A RSO e Ética é uma solução inovadora para apoiar o desenvolvimento sustentável e a economia social de mercado altamente competitivo. É desejável que todas as organizações implementem uma abordagem mais ética e de RSO que embora não sendo um padrão obrigatório, todos os países são socialmente obrigados a melhorar.

O projecto será implementado em três fases principais:

  • A primeira fase contém a transferência e adaptação da metodologia existente e eficaz sobre Ética e responsabilidade social das empresas, (AconteSer), que integra a formação entre os parceiros sobre o kit de ferramentas "Liderar com Responsabilidade", que contém conceitos, dicas e exercícios, pronto para ser utilizado por todos os gestores e colaboradores, fornece sugestões de melhorias e passos a seguir em matéria de um modelo de gestão melhor, mais ético e socialmente responsável orientado.

  • A segunda fase inclui a criação de um quadro operacional para ECVET sobre Ética e responsabilidade social focado em observações especiais, informações e factores-chave de cada país, utilizando o sistema de EQF para definir resultados de aprendizagem (em termos de conhecimentos, aptidões e atitudes) e aplicar a metodologia ECVET com base nos resultados da aprendizagem, unidades de aprendizagem e atribuição de pontos ECVET.

  • A 3 ª fase contém a criação de uma rede de Ética Europeu e CSR com uma ligação muito directa com as câmaras de comércio, centros de formação profissional, associações profissionais, entidades públicas e organizações de pesquisa para aumentar o valor da Ética e responsabilidade social das empresas e acelerar a realização das metas nacionais e europeias 2020. Por último, mas não menos importante, é imperativo abordar não só as PME, mas também as grandes empresas, as autoridades públicas e organizações do sector terciário, como ONGs e Fundações, porque todos deverão fazer parte destas mudanças.

About


About


About


Email sent.

Thank you for contacting us.

We will get back to you as soon as possible.

Contact

We look forward to receive your comments and queries.

Proper format "name@something.com"